OPINIÃO: Quais head coaches correm mais risco de demissão? Confira a lista!

Dá para acreditar que já estamos chegando na semana 13? Difícil né.

Tem muito time já pensando em 2018 e parte grande desse planejamento é quem será o head coach. Nessa coluna apontei 13 nomes que estão com a batata assando, lógico que em níveis diferentes. Confira:

Hora de atualizar o currículo no Vagas.com

Hue Jackson, Cleveland Browns

O Cleveland Browns não tem um elenco muito talentoso, mas existem peças suficientes para ter vencido pelo menos alguns desses onze jogos até agora. Hue Jackson é uma mente brilhante quando o assunto é ataque, mas é um péssimo head coach. Somando a sua passagem pelos Raiders como treinador principal, ele tem 9 vitórias e 34 (!!!) derrotas como HC. Acho que os executivos terão mais uma oportunidade, mas Jackson será demitido.

Ben McAdoo, New York Giants

Fosse outra franquia Ben McAdoo já estaria desempregado há pelo menos três semanas, mas o New York Giants se orgulha em ser uma franquia à moda antiga, que mostra confiança nos seus profissionais e não toma decisões drásticas. Os Giants podem ganhar os próximos cinco jogos que McAdoo não conseguirá manter o cargo.

John Fox, Chicago Bears

Tire Mitch Trubisky de perto de John Fox o mais rápido possível. Tudo bem, Fox não tem culpa de ter o pior corpo de WRs da NFL em suas mãos, mas ele não tem um bom histórico com QB jovens.

Chuck Pagano, Indianapolis Colts 

Chuck Pagano tem uma história bonita, superou um câncer, seus jogadores continuam se esforçando muito por ele mas não dá mais. Essa demissão devia ter ocorrido no ano passado e agora Chris Ballard, GM que está na sua primeira temporada com os Colts, poderá escolher um novo treinador.

Dirk Koetter, Tampa Bay Buccaneers

Os Bucs promoveram Dirk Koetter ao cargo de head coach pois acharam que ele trabalhou bem com Jameis Winston em 2015 quando era coordenador ofensivo, mas Winston não evoluiu desde então e o time ao redor idem. Tampa Bay é uma das grandes decepções do ano e não vejo como Koetter voltará em 2018.

 

50/50

Jim Caldwell, Detroit Lions

Tudo bem, ele foi duas vezes aos playoffs com o Detroit Lions (o que é um grande sucesso para a franquia), mas depois do primeiro ano ele não conseguiu montar um bom time. Os Lions precisaram de toda sorte do mundo para vencer nove jogos em 2016 e chegar aos playoffs para ser atropelado pelo Seahawks. Sem muito alarde pode ser um destino para Josh McDaniels, pela conexão do GM dos Lions, Bob Quinn, com os Patriots.

Vance Joseph, Denver Broncos 

Não é tão incomum assim um treinador ser demitido após apenas um ano no cargo e se tem um candidato a isso em 2017 é Vance Joseph. Os Broncos são uma bagunça, não só por culpa de Joseph, mas não me surpreenderia nada caso Denver decida contratar um novo técnico para 2018.

 

Não seria exatamente uma surpresa

Marvin Lewis, Cincinnati Bengals

Eu não acho que o Marvin Lewis corre risco de ser demitido pelo Cincinnati Bengals pela sua história com a franquia, mas é possível uma aposentadoria por livre e espontânea pressão como os Giants fizeram com Tom Coughlin.

Adam Gase, Miami Dolphins

O Miami Dolphins é um dos piores times da NFL, não faço ideia como essa equipe conseguiu vencer quatro partidas. Adam Gase vem sendo muito crítico com a sua equipe e os seus jogadores não parecem responder a essa abordagem. A decisão de trazer Cutler da aposentadoria foi dele e não poderia ter sido pior.

Jason Garrett, Dallas Cowboys

Essa é difícil porque Jerry Jones gosta muito de Jason Garrett, mas os Cowboys implodiram sem Ezekiel Elliott e Sean Lee. Já saíram notícias na imprensa de que os jogadores estão frustrados com a falta de capacidade de Garrett em fazer ajustes e não seria surpresa se ele acabasse demitido.

Jack Del Rio, Oakland Raiders 

Jack Del Rio é um coordenador defensivo que virou head coach e o Oakland Raiders tem uma defesa terrível desde que ele assumiu a equipe. Del Rio se viu obrigado a demitir Ken Norton Jr. e isso talvez o dê pelo menos mais uma temporada.

Mike Mularkey, Tennessee Titans

O Tennessee Titans tem grandes chances de ir aos playoffs mesmo sendo um time pior que no ano passado. Marcus Mariota não evoluiu nada em relação a 2016 e caso os Titans não cheguem à pós-temporada não seria uma surpresa a diretoria tentar trazer um nome mais pesado.

Todd Bowles, New York Jets 

Eu gosto muito de Todd Bowles e acho que ele está fazendo um trabalho incrível em 2017. Ainda assim, os Jets são um time em reconstrução e não sei se a diretoria o vê como o ‘Franchise Head Coach’ (esse termo existe?). Não ficaria surpreso se ele for demitido.
.
.
.

Domingo com 12 jogos agitando a NFL e você escuta a análise de TODOS eles no melhor programa brasileiro sobre futebol americano, o Podcast FA Hoje! Escolha um link abaixo e dê play!

Como escutar o Podcast em celular Android | Como escutar o Podcast em iPhone 

iTunes (iPhone, iPad, iPod)

Stitcher (Android e outros sistemas operacionais)

Novidade: Deezer

Soundcloud

4shared

Comments

comments