Até onde Jimmy Garoppolo pode levar o San Francisco 49ers?

O reino de Foxboro tinha seu rei, Tom Brady, e também tinha Jimmy Garoppolo, o príncipe que aguardava ansiosamente sua hora de receber a coroa. No entanto o rei não estava disposto a sair do trono tão fácil, muito menos tão cedo, e parecia que o príncipe estava condenado a ser a segunda opção, não fosse aceitar uma proposta para o reino tão tão distante de São Francisco para assumir aquele trono. E parecia que o futuro ali seria brilhante. Até a chegada de Garoppolo o exército denominado 49ers havia ganhado apenas um jogo. Ao chegar ganhou as últimas 5 partidas. A expectativa explodiu para o ano seguinte; falava-se na maior conquista de todas, o Super Bowl. Então uma nova temporada se iniciou, e ele não teve um começo muito bom, com apenas uma vitória em três confrontos. E para piorar sua situação sofreu uma lesão que o tirou dos campos. Concluindo, fim do conto de fadas.

Ok, voltando à realidade agora.

A expectativa estava alta em cima de Jimmy G, e a lesão acabou com praticamente toda a esperança de Super Bowl da equipe para 2018. Talvez o melhor que os Niners tiveram nessa temporada foi George Kittle e seu ano incrível (e o jogo contra os Raiders na semana 9).

No entanto estamos indo rumo a temporada de 2019 (cada vez mais próxima, vamos comemorar!) e Garoppolo está pronto para mostrar seu valor como titular na NFL por uma temporada inteira. Usou a offseason para recuperar-se da lesão (lembrando que ele rompeu o ligamento cruzado anterior na semana 3) e também para treinar com um “guru” de quarterbacks, Tom House (conhecido por ter treinado nomes como Drew Brees e Tom Brady). Com o training camp se aproximando Garoppolo declarou que está recuperado e que está agradecido por ter aprendido muito com seu antigo mentor, Tom Brady.

“A preparação como um todo foi extraordinária de se ver, de estar no mesmo ambiente, de aprender dela. Ser um calouro e ver aquilo foi inestimável. Eu mal posso colocar em palavras. O que você aprende é jogar o jogo dentro do jogo, essa é uma grande parte do Tom.”.

Certamente os fãs dos Niners esperam que Jimmy G use tudo que aprendeu com Brady para levar o time ao sucesso. Uma vez recuperado e mantendo-se saudável Garoppolo terá um bom corpo de recebedores, liderados por Kittle, e um backfield interessante, com Jerrick McKinnon (voltando de lesão também), Matt Breida e o recém-chegado de Atlanta, Tevin Coleman. A defesa ainda não se destacou, seja positiva ou negativamente, mas quem sabe não acaba surpreendendo esse ano?

Numa NFC Oeste que tem Rams (a potência da divisão), Seahawks (nunca podendo ser desprezados) e Cardinals (com muita hype para essa temporada), Jimmy G terá que dar o seu melhor para levar os 49ers longe.

 

 

Nesta edição do Podcast FA Hoje nós recebemos dois convidados: Felipe Laurence (oQuarterback) e Gabriel Queiroz (redator do Liga dos 32) para fazermos previões “não-óbvias” para temporada. São palpites que que temos para 2019, mas que não são consenso entre os fãs da NFL. Programa imperdível!

Como escutar o Podcast em celular Android | Como escutar o Podcast em iPhone

Spotify

iTunes (iPhone)

Soundcloud

Nos escute no Google Podcast (só buscar FA Hoje no app)

Stitcher (Android e outros sistemas operacionais) 

Comments

comments