Após anos reconstruindo, os Browns souberam a hora certa de arriscar trazendo Odell Beckham Jr.


Os esportes americanos tem uma sequência bem cíclica onde os times vivem altos e baixos. Esse não foi o caso do Cleveland Browns, que basicamente passou as últimas duas décadas em um processo de reconstrução que parecia sem fim. Em 2018, após a chegada de Baker Mayfield, a franquia finalmente pareceu ter um futuro promissor. Já em 2019, dois anos após terminar uma temporada com 16 derrotas, a equipe resolveu puxar o gatilho e promete ser uma das favoritas na conferência americana.

Tudo isso graças a troca que trouxe Odell Beckham Jr para Cleveland. Foi uma escolha de primeira rodada, uma de terceira e o safety Jabril Peppers, que ainda não se encontrou na NFL. Odell é um baita wide receiver, tem potencial para melhorar o ataque da equipe, porém mais que isso, a troca por Beckham demonstra uma mudança de mentalidade de uma equipe que quer vencer. Odell é mais que um simples jogador. É uma superestrela da NFL, um atleta que atrai os holofotes e os Browns se mostram preparados para isso.

Essa deve ser a base do ataque dos Browns para 2019. Além disso, a defesa conta com jogadores como Myles Garrett, Olivier Vernon e Denzel Ward. Atualmente, os times da AFC Norte estão em crise. Os Steelers e Ravens perderam jogadores importantes na free agency e os Bengals não possuem perspectiva de evolução no momento. Com isso, os Browns já eram favoritos para vencer a divisão e trazendo Odell Beckham Jr, Cleveland mostra a agressividade de uma franquia que quer estar no Super Bowl LIV.

.
.
.

Gabriel Martins e João Eduardo Dutra reagem à notícia bombástica de que Odell Beckham Jr. foi trocado pelos Giants para o Cleveland Browns.

Como escutar o Podcast em celular Android | Como escutar o Podcast em iPhone

iTunes (iPhone)

Soundcloud (Android e outros sistemas operacionais)

Novidade: Nos escute no Google Podcast

Stitcher (Android e outros sistemas operacionais) 

Deezer

Comments

comments