Abrindo o Playbook: Melhores álbuns do Rock Alternativo dos anos 2000

Decidi falar um pouco de música nessa semana, não sei o porquê. Já escrevi aqui sobre como o Rock morreu, mas isso não nos impede de ter um pouco de nostalgia e lembrar da última boa fase com o Rock Alternativo dos anos 2000.

A década de 2000 foi muito prolífica para música, tenho certeza que daqui a uns 20 ou 30 anos vai ter algum adolescente falando sobre como nasceu na década errada e gostaria de ter vivido nessa época. Foram ótimos 10 anos de música, graças ao Indie Rock. Como o adolescente insuportável nesse período era eu, resolvi fazer um ranking dos 10 dez melhores álbuns.

Decidi não repetir bandas, até para colocar uma lista mais diversa após a primeira versão ter três Strokes e dois Franz Ferdinands. E também é bom ressaltar que esse ranking reflete o meu gosto pessoal, o que deveria ser óbvio mas nunca custa destacar.

 

Menções Honrosas:

Álbum: Costello Music
Artista: The Fratellis
Ano: 2006
Destaques: Flathead, Whistle for the Choir, For the Girl, Chelsea Dagger

Álbum: Room on Fire
Banda: The Strokes
Ano: 2003
Destaques: Reptilia, 12:51, Meet me in the Bathroom, The End Has no End

Álbum: First Impressions of Earth
Banda: The Strokes
Ano: 2006
Destaques: You Only Live Once, Heart in a Cage, Juicebox, Ize of the World

Álbum: You Could Have It So Much Better
Banda: Franz Ferdinand
Ano: 2005
Destaques: This Boy, Walk Away, Eleanor Put Your Boots on, Do You Want To

Álbum: Idem
Banda: Móveis Coloniais de Acaju
Ano: 2005
Destaques: Copacabana, Esquilo não Samba, Menina Moça, Aluga-se Vende

 

A lista

10º
Álbum: Black Holes and Revelations
Artista: Muse
Ano: 2006
Destaques: Supermassive Black Hole, Starlight, Knights of Cydonia

Muse não envelheceu bem, hoje é um Imagine Dragons melhorado. Black Holes and Revelations trouxe ao mundo algumas excelentes músicas, com destaque para Supermassive Black Hole que tocou em todas as festas alternativas desde então


Álbum: The Black and White Album
Banda: The Hives
Ano: 2007
Destaques: Tick Tick Boom, Hey Little World, Puppet on a String

Resultado de imagem para is it a banger gif

The Black and White Album passaria nesse critério.


Álbum: Only by the Night
Banda: Kings of Leon
Ano: 2008
Destaques: Sex on Fire, Crawl, Be Somebody, Use Somebody

Não sou um grande fã de Kings of Leon, mas todas as minhas músicas favoritas deles estão coincidentemente no mesmo álbum.


Álbum: Little Joy
Banda: Little Joy
Ano: 2007
Destaque: Evaporar, With Strangers, Don’t Watch Me Dancing, The Next Time Around

A colaboração entre Fabrizio Moretti (baterista do Strokes), Rodrigo Amarante (Los Hermanos) e Binki Shapiro (Não faço ideia quem seja e o que faz agora) passou como um cometa nas nossas vidas com um grande álbum, Little Joy. Perdi a chance de vê-los ao vivo no Circo Voador (obrigado Luisa).


Álbum: Hot Fuss
Banda: The Killers
Ano: 2004
Destaques: Mr. Brightside, Glamorous Indie Rock and Roll, Somebody Told Me

Hot Fuss é o equivalente ao elenco do New York Giants dos álbuns de música. Mr. Brightside é o Odell Beckham, Somebody Told Me é o Saquon Barkley e Glamorous Indie Rock and Roll é o Landon Collins. Fora esses, não tem muita profundidade.


Álbum: Antics
Banda: Interpol
Ano: 2004
Destaques: C’mere, NARC, Evil, Slow Hands

Antics é o elenco do Philadelphia Eagles. C’mere é o Carson Wentz, depois não tem uma superestrela mas em todas as posições há profundidade e qualidade.


Álbum: Franz Ferdinand
Banda: Franz Ferdinand
Ano: 2004
Destaques: Michael, Jacqueline, Take me Out, This Fire, Cheating on You

Três super hits e outras boas músicas fazem do primeiro álbum do Franz Ferdinand um clássico, que merece ser citado entre os grandes do Indie Rock.


Álbum: Is This It
Banda: The Strokes
Ano: 2001
Destaques: Someday, Last Nite, Hard to Explain, New York City Cops, Take it or Leave it

Qual outra banda colocou uma sequência tão forte com os seus três primeiros albuns? Is This It tem um grande argumento como o mais importante da década, dando o tom de toda uma geração de bandas de rock.


Álbum: Whatever People Say I Am, That’s What I’m Not
Banda: Arctic Monkeys
Ano: 2006
Destaques: I Bet You Look Good on the Dancefloor, Fake Tales of San Francisco, Mardy Bum, From the Ritz to the Rumble, Certain Romance, When the Sun Goes Down

Escutei Arctic Monkeys pela primeira vez quando um amigo me passou algumas músicas soltas, não sei se havia o álbum oficialmente na época. Infelizmente a banda não conseguiu manter o nível com os seus outros (muitos) lançamentos, mas o seu CD de estreia é lotado de hits.


Álbum: Ventura
Banda: Los Hermanos
Ano: 2003
Destaques: Último Romance, Um Par, Do Sétimo Andar, Conversa de Botas Batidas, De Onde Vem a Calma

Eu sei que a moda na internet é odiar Los Hermanos. É um dos poucos sentimentos que une setores opostos da internet. Para isso ligo um grande foda-se e Ventura é o meu álbum favorito do rock alternativo nos 2000, provavelmente álbum favorito ponto. Pode destilar seu ódio à vontade, mas é a melhor banda brasileira de todos os tempos. E não venha me encher o saco dizendo o contrário.

 

Escutar novamente todas essas músicas que citei. Acredite em mim, será um bom dia se decidir fazer isso.

 

Comments

comments